Trabalhadores aclamam chapa União, Resistência e Luta como representante para a gestão 2018-2022

142

Ontem (29), em cumprimento ao artigo 78 do estatuto do SINTECT/DF, foi realizada assembleia geral com os trabalhadores, que referendou a Chapa União, Resistência e Luta como representante da categoria para próximo mandato da diretoria colegiada e do conselho fiscal. Além disso, na oportunidade, a presidente do sindicato, Amanda Corcino, informou que, seguindo a determinação da Comissão Eleitoral, haverá coleta de votos nos dias 04 e 05 de dezembro. Também foram repassadas à categoria algumas informações sobre o processo referente à cláusula 28 da assistência médica dos ecetistas e outros informes importantes para os trabalhadores.

A presidente informou sobre o memorando da SEST, que determina a paridade de todos os planos de saúde entre empresa e trabalhadores e que vai impactar, no máximo, 8% da folha. “Isso é um grande ataque que vai reforçar a tese das mensalidades e limitar os gastos das empresas com o plano de saúde”, ressaltou.

Amanda também falou sobre a espera do posicionamento do TST a respeito do dissídio do plano de saúde da categoria. A ECT, com isso, quer arcar apenas com os custos de funcionários na ativa e aposentados. Já os dependentes ficam, na proposta da empresa, 100% por conta dos trabalhadores. “Dia 11 haverá o novo Consin, onde vamos traçar estratégias e o calendário de greve para se contrapor a esse prejuízo”, avisou.
Eleição 2017
Nos dias 04 e 05 de dezembro, será realizada a coleta de votos nas bases do SINTECT/DF. Conforme informado anteriormente, a Comissão Eleitoral homologou a inscrição da Chapa 1: União, Resistência e Luta, para concorrer à eleição, por ser a única apresentou devidamente toda documentação exigida, bem como cumpriu os os requisitos estatutários. Outro grupo tentou efetivar o registro de chapa, mas não foi homologado por conter diversas irregularidades. Com a negativa da comissão, esse grupo procurou a Justiça do Trabalho para tentar concorrer irregularmente à eleição, no entanto, tiveram a liminar indeferida.

Convocamos todos os trabalhadores filiados a participarem das eleições. As urnas seguirão o roteiro informado no jornal de novembro do SINTECT/DF. Exerça seu direito e participe do processo. Garanta que a sua voz seja ouvida. Precisamos da sua participação para fortalecer a entidade sindical na luta pela manutenção e expansão de direitos da nossa categoria e de toda classe trabalhadora.